Embraer anunciou doação aparelhos nesta terça-feira (30).

Tecnologia evita a propagação do vírus entre os leitos de um hospital por meio de sistema de ar.

Sistema foi desenvolvido por uma empresa especializada em soluções de ar condicionado para a área da saúde Divulgação A Embraer anunciou a doação de 25 aparelhos que ajudam na prevenção da propagação da Covid-19 pelo ar, para o Hospital Municipal de São José dos Campos (SP).

O anúncio foi feito na manhã desta terça-feira (30) pela fabricante de aviões. O sistema foi desenvolvido por uma empresa especializada em soluções de ar condicionado para a área da saúde, em parceria com a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein e deverá chegar na cidade nos próximos dias.

Segundo a empresa, a tecnologia evita a propagação do novo coronavírus entre os leitos de um hospital por meio de um processo chamado pressurização negativa.

Nele, a pressão do ar do quarto é controlada abaixo dos demais ambientes do hospital, enquanto um exaustor direciona o ar contaminado para um filtro de alta eficiência e com lâmpadas germicidas.

Em seguida, o ar é expelido, sem contaminantes, para um ambiente externo.

O ar de maior pressão dos demais ambientes impede a saída de ar da área isolada, prevenindo assim a contaminação de outros lugares.

Por ser portátil, o aparelho facilita a mobilidade dentro de um ambiente hospitalar.

De acordo com a prefeitura, somente no Hospital Municipal, a taxa de ocupação dos leitos de UTI estava em 64% até segunda-feira (29).

Já nos leitos de enfermaria do hospital, a ocupação era de 84%.

Até o fim desta segunda, São José havia confirmado 2.983 mil casos de Covid-19, além de 92 mortes.

Além de São José, a Embraer também vai doar outros 10 aparelhos para o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB-UNESP) e 15 para a Irmandade de Santa Casa de Misericórdia de Araraquara (SP).

O investimento da empresa nos sistemas é de cerca de R$ 500 mil.